terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Outono no Magoito

 



O Mês de Setembro e de Outubro são meses preferidos para pescar nesta zona. Meses de sargos e robalos que encostam nesta faixa do litoral sintrense.

Cheguei cedo ao Mar. Esta costa por ser virada a Oeste fica abrigada das primeiras luzes da manhã. Faz sobra na Agua enquanto o sol vai baixo. Tive também a sorte de haver neblina matinal dando um belo cenário para a pesca. As marés eram curtas. Pouca agua na praia do Giribeto e pouca areia. Mesmo com o eu gosto. Fundos mistos. As aguas eram azuis e um pouco claras mas bem oxigenadas. Ondulação Certa. com ligeira brisa maritima. 



Era um daqueles dias que prometia. 

Rapidamente monto a minha cana de 6 mts  Pilado  e o carreto Shimano Stardic com fio de 0.25. Nos estralhos uso 0.20 fluorcarbono. No anzol uso Chinu nº 4. Boia Fina de 10 grs toca a pescar. Isco Sardinha outras vezes camarão. Engodo de sardinha mal moída.  Vou engodando só com o molho para ver se há atividade  na agua. 

De vez em quando la vai uma colher de engodo mal pisado na esperança que algum robalo entre ali. Nos primeiros lançamentos a coisa promete. Tiro logo um sargo de bom porte. O peixe anda ativo. muitos toques e de vez em quando vai saindo um peixe pequeno alternado com um peixe maior. A certa altura a boia afunda forte e corre para fora. Pensei logo temos robalo. Era uma tainha muito grande que depois de uma grande luta acabou por partir. 




Novamente nova iscada  de sardinha sempre na esperança de um bom robalo e continuam as ferragens de sargos pequenos e outros maiores. Quando a sol começou a bater na agua e a altura de agua ja era pouco deixei de sentir peixe. mesmo a pescar mais fora não setia nada. era um cantinho que concentrava o peixe e deixou de ter condições.