quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Salvar a Grade



Numa tarde de Setembro, resolvo fazer um desvio no caminho do emprego para casa.
Percorro a marginal em direcção a Cascais e vou observando o mar.
O tempo quente de verão e a ondulação típica de Outono, aguçam-me o apetite para a pesca.
Consulto a tabela de marés e verifico que ainda vou a tempo de ir por a isca de molho.
Rapidamente escolho um local onde vou fazer a pesca.
Dirijo-me a casa para buscar o equipamento de pesca e da arca retiro uma porção de sardinhas e camarões para a pesca.
Faço-me á estrada e como moro perto do mar, rapidamente lá chego e ponho-me a pescar.
Duas horas de pesca foi o suficiente para apanhar uns peixes e sonhar com a nova temporada de pesca que se avizinhava e que trazia esperanças de apanhar uns bons peixitos.
O mote estava dado.

Nenhum comentário: